QSL! Produzimos o conhecimento, e agora? Quem precisa saber?

Dashboard, dados, informações, planilhas e produção de conhecimento fazem parte da rotina de gestores de segurança corporativo.

Mas, a pergunta é: DADOS SÃO CONVERTIDOS EM RESULTADOS?

Nós produzimos conhecimento para setores de segurança privada, e enxergamos uma dificuldade grande de alguns profissionais deste segmento conseguirem obter informações rápidas, precisas e objetivas sobre seus sinistros e ocorrências.

Em sua maioria, os profissionais de segurança são demandados em diversos casos e “prioridades” ao mesmo tempo. Principalmente os gestores que normalmente tem que olhar para segurança do negócio em um nível mais amplo ou até global.

Tenho acesso a diversos gestores e normalmente todos falam a mesma coisa:

Tem dias que não consigo nem ler meus e-mails, quanto mais responder. Grupos de segurança no WhatsApp? Todos em modo silencioso, sem chance de acompanhar todas as mensagens. Ligações? Somente com hora marcada, pois são reuniões atrás de reuniões…

Diante disso, como produzir conhecimento para esses profissionais?

Através da aplicação dos mais diversos recursos tecnológicos, conseguimos fazer gestão de segurança de diversas formas, e a gestão do conhecimento compartilhada aplicada através da inteligência, softwares e aplicativos, são ferramentas poderosas aos tomadores de decisão, “todos” operadores, supervisores, coordenadores e gestores. Não somente profissionais do departamento de segurança, pois estamos falando de gestão de conhecimento estratégico para minimizar riscos em geral.

Eu digo sempre que a qualidade dos resultados apresentados pela empresa está diretamente ligada à Inteligência Corporativa.

Nas empresas multinacionais, grandes e de médio porte, o investimento, aplicação de ferramentas e soluções tecnológicas para o departamento de segurança empresarial, é tão essencial e estratégico, que podemos compara-los até mesmo com o marketing.

Alguns trabalhos que desenvolvemos em empresas, conseguimos por diversas vezes apresentar ao departamento de marketing das mesmas, que em uma determinada região, não seria válido aplicação de campanhas publicitárias, podemos citar casos variados.

Em resumo:

Aplicando e fornecendo recurso através de softwares, aplicativos e ferramentas inteligentes no departamento de segurança, Sim! Isso é possível acontecer. Basta ter os profissionais certos para tratar as informações de forma inteligente.

Deixo aqui também o link de uma palestra que vale a pena assistir: O caso do Militar do compartilhamento do conhecimento.

Link: http://roubodecarga.com/o-caso-do-militar-do-compartilhamento-do-conhecimento/

Obrigado!

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.